terça-feira, 29 de dezembro de 2020

confie e mantenha-se perto



Confiar em outras pessoas com responsabilidade é uma questão-chave para ministérios com estrutura de pequenos grupos. A estratégia da igreja em pequenos grupos enfatiza o investimento de novos líderes. O medo de lançar pessoas no ministério é um bloqueio para a igreja. E a verdade é que não podemos evitar problemas no ministério. Dificuldades de relacionamento simplesmente fazem parte do ministério. Aqueles que foram feridos por um amigo de confiança ou um colega de ministério experimentam as mesmas emoções que Jesus, o rei David, Moisés e Paulo enfrentaram. Aqui vai a lamentação de David: “Até o meu melhor amigo, em quem eu confiava e que partilhava do meu pão, voltou-se contra mim” (Salmos 41.9).

Quem compartilha a liderança corre o risco de se ferir e fracassar. No entanto, podemos minimizar essas dificuldades orando para que o Espírito Santo faça a obra na vida do novo líder, nos certificando de que o novo líder foi treinado adequadamente, e provendo supervisão. A pesquisa de Jim Egli indicou que a supervisão é o elemento mais importante para que uma igreja em pequenos grupos seja eficiente. À medida que proporcionamos prestação de contas e supervisão amorosa de forma contínua, estaremos aptos a detectar os problemas cedo, e proteger e encorajar o novo líder.

Não podemos evitar riscos no ministério, mas podemos minimiza-los.

Por Jeff Tunnell

Sem comentários:

Publicar um comentário