terça-feira, 29 de dezembro de 2020

diga "não!" ao "eu"



"Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo..."

Muitas vezes nos justificamos, em coisas ou em pessoas, para não fazermos o que o Senhor nos manda, mas o grande problema está em nós, pois não queremos renunciar ou negar a nossa vontade. "Na verdade, na verdade vos digo que, se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muitos frutos" (João 12:24). Precisamos temer mais o nosso "eu" do que o Diabo.

O Senhor Jesus, não nos pediu para carregar a cruz dEle, mas a nossa cruz dia a dia.

O que Cristo fez na Cruz? Ele morreu, e a nossa cruz é morrer todo o tempo, matando toda a vontade do "eu". Assim como Ele ressuscitou, a vida dEle  ressurge em nossa vida rendida, submissa, assim seremos edificados dia a dia.

Como viver essa realidade, como viver esse caminho da Cruz, qual o trabalho da Cruz em nós, o que isso significa? Precisamos entender isso!

Primeiro Ele usará a acção da Sua Palavra em todo tempo. 

Segundo Ele nos dará a Suas providências.

Isso é para entendermos o propósito de Deus para nossas vidas, que sejamos a imagem do Seu Filho. 

Pare e pense: estamos a caminhar com as nossas atitudes para sermos parecidos com Cristo? Isso precisa ser claro em nossa vida. Romanos 8:29 fala de sermos conforme a imagem do Seu Filho. Hebreus 2:10 diz para nos conduzir para Sua glória.

O "grão" terá que morrer.

Se alguém quer vir após mim "negue-se" a si mesmo... Abandonar o "ego" o "eu")

Amados, precisamos compreender a nossa vida, que ela não existe sem ter a vida de Cristo, e ter a vida de Cristo significa Ele ser absoluto, os problemas, os sonhos, os planos, desejos, nossa maneira de viver, coisas que possuímos, diferenças pessoais, essas coisas não nos trará dificuldade ou ocupará nossa mente (Romanos 8:29) isso para atingirmos o Seu objetivo inicial - sermos feito Sua imagem e Semelhança.

É importante tomarmos a Palavra de Deus como fala em Hebreus 4:12.

Irmãos, essa palavra tem que ser real em nós. A Palavra de Deus é viva e eficaz, mais cortante do que espada de dois gumes: um gume para morte e um gume opera a ressurreição. Efésios 4:22 complementa essa palavra dizendo, "despojando do velho homem que se corrompe pelos maus desejos do engano". Despojar do egoísmo, da cobiça, das paixões, das ambições, dos falsos motivos, soberba, vaidade da carne e todo lixo que está em nós. 

A Palavra quer tirar tudo isso como espada revelando o trabalho da cruz, se não morrermos ficaremos só.

Precisamos de Efésios 4:23 nos renovar no espírito do nosso entendimento, ou na nossa mente. Que quer dizer "espírito da mente"; o que vem a ser isso? O princípio da maneira que governa nossa maneira de pensar, porque nascemos de novo, mas ainda com a mente velha, emoções velhas, pensamentos velhos, nos alegramos com coisas que não exaltam a Deus, desejamos o que Deus não deseja, pensamos o que Deus não pensa. Assim, a Palavra de Deus entra para nos libertar dia após dia. 

Sem comentários:

Publicar um comentário